LFBR

Ficha ~ Raegar Godheim

16/7/2020, 23:12

Raegar Godheim
Masculino
25 anos
1,90 m
90 Kg
Los Angeles ~ USA
Kansas City ~ USA

Tank
E
24
24
24
24
24

90
0

Exploração (+10% de lucro total em dungeons)
• Caça
• Runas
• Mineração
• Armadilhas
• Monstrologia


300
Apartamento simples em Los Angeles.
------------------------------
Raegar detém uma estatura e peso normal, junto a um corpo levemente musculoso e definido, nada que chame muita atenção vista dos outros da classe Tank. Mas em comparação a grande maioria, de fato seu corpo atlético é superior, principalmente pelos anos em treinamento e após despertar como Caçador. Ele tem cabelos louros espetados e desgrenhados com duas franjas caídas sobre as laterais do rosto. Sobrancelhas levemente grossas e da mesma tonalidade de seus cabelos. A cor de seus olhos é um azul oceânico forte e intenso; um olhar bastante chamativo e destacável por assim dizer. Utiliza vestes esportivas, sociais, básicas do dia-a-dia e entre outros que ele preferir. Dotado de um sorriso amigável e quase sempre coberto de bandeides, e/ou ataduras pelo corpo.

-----------------------------------
Astuto, determinado, honrado e obstinado. Esses são alguns pontos que cintilam em sua pessoa. Raegar possuí um bom raciocínio, sociabilidade e convicção em seus princípios. Ele almeja honrar seu falecido pai, atuando como caçador, mesmo que seu misero rank e ínfimo força sejam ridículos em comparação a grande maioria. Porém, jamais ficou abalado em questão disso, na verdade, ele é bastante otimista demonstrando não se afetar com julgamento alheio e ainda por cima considerar um combustível de motivação. Ele sabe que apesar de ser um dos caçadores mais fracos, sua vontade lhe permite sempre continuar em frente; mesmo diante de árduos desafios. Os ensinamentos que seu pai lhe passou moldaram sua sabedoria e caráter, tanto que quase sempre recorda das sábias frases de seu falecido pai, trazendo consigo como se fossem um guia. Apesar de acreditar em Deus, diferente de muitas pessoas que apenas ficam pedindo por milagres, ele prefere tentar buscar com suas próprias mãos e assim ajudar aqueles que precisarem de ajuda. Mas não se engane com seu típico sorriso carismático e suas palavras amigáveis, existe sim dentro dele um lado sombrio, destemido e incrivelmente cruel se necessário, algo que desenvolveu durante seus anos como militar. Apesar de não ser frequente, ele pode sim perder a calma e ser bastante bruto e rígido, tanto em ações como em palavras. Mas é um homem educado se achar viável; justo se necessário; orgulhoso dentro do possível; sonhador como um garoto; voraz como uma fera. Mas o que atualmente anda lhe perturbando é sua falta de poder, para fazer mais é necessário maior poder. Entretanto, após descobrir que é possível ficar mais forte apenas caçando, devido sua habilidade peculiar e singular, está decidido e centrado em se tornar mais forte.

-----------------------------
Nascido na cidade de Kansas, localizada no estado de Missouri, Raegar viveu e cresceu em um enorme racho. A infância e adolescência do rapaz fora normal, sempre esforçado a realizar os serviços das fazendas, cuidar dos animais bem como também agradar sua família ao realizar seus estudos e finalizá-los logo ao termino de sua puberdade. Apesar dos serviços dentro do rancho, em grande parte do seu tempo livre se dedicava há fazer esportes, musculação e entre outros exercícios típicos e cotidianos.

Infelizmente Raegar nunca pode ingressar para faculdade, pois, algum tempo depois deu-se início a era dos portais. Ele ainda lembra bem quando caos e desordem ocorreram, mas da mesma forma rápida que havia surgido, houvera desaparecido após seu país doutrinar novas leis, restaurar a ordem e se tornar uma das nações de maior potencial entre todas as outras; apesar de, desde sempre um dos melhores países em milícia, financeiro, mas principalmente agora com a nova era dos caçadores.

Apesar da personalidade boa, honrada e dedicada, a morte de seu pai, logo após atingir maior idade, veio a mudar sua vida drasticamente. Joseph Godheim, um homem honesto, trabalhador e rígido. Sempre em busca melhorar, prosperar e cultivar sua fazenda e apesar de seu ego um tanto bruto e ríspido, era um homem muito sábio e com muitos provérbios. Um que ele muito usava e que Raegar jamais poderá esquecer era: "O que vem fácil, vai fácil." Esse ditado quase sempre era dito pelo seu pai.

Durante uma ida até o matadouro, Raegar, Joseph e Elara sua mãe, acabaram se envolvendo em um conflito entre guildas, pois, Joseph havia decidido ajudar algumas pessoas que haviam sofrido durante a guerra entre os caçadores. Naquela época, era natural muitas guildas brigarem por território, mas após a associação americana criar um tratado com regras rígidas, acabou pondo um fim em tais disputas. Todavia, muitas pessoas haviam perdido familiares.

Após a morte de seu pai, sendo filho único, Raegar acabou deixando a fazendo para sua mãe e se alistou no exército militar para ajudar as pessoas que haviam passado o mesmo que ele e evitar se possível que tais catástrofes viessem ocorrer; mas principalmente por idolatrar seu pai que não só havia sido herói, mas demonstrado um caráter destemido. Durante alguns anos servindo as forças especiais, um soldado exemplar, exerceu missões de todo tipo, aprofundou seus conhecimentos em caça, se especializou em armadilhas e aprendeu tudo sobre os tais monstros que viviam dentro dos portais, sendo um militar perito e experiente para ocasiões de Dungeon Break.

Quando Raegar despertou como caçador, acabou sendo afastado do exército devido aos critérios. Mesmo que suas habilidades de rank inferior, sendo caçador de rank mais baixo, a coragem, força de vontade e determinação fizeram com que Raegar trilhassem esse perigoso caminho. Atuando como caçador Freelancer em portais, mesmo que fosse difícil e categorizado como rank E, sua classe possuía bom índice de sobrevivência, permitindo-o assim continuar caçando, mesmo que seus atributos em comparação aos outros caçadores fosse... bem inferior; até mesmo para os de seu próprio rank. Aprendeu sobre runas e mineração com objetivo de possuir conhecimentos mais apropriados, devido a falta de sua força.

Mas tudo viria a mudar após aceitar um serviço com a função de explorar e averiguar um portal rank D diferente dos habituais. Durante a exploração ele e o grupo se perderam em um peculiar labirinto com diversas trajetórias e formas esculpidas em suas paredes. Conforme seguiam, algo de sinistro atiçava os instintos naturais de Raegar, mesmo ele não sabendo o que era. O seu grupo era formado por 5 caçadores: dois magos, um suporte e um tank. Após se depararem com uma enorme porta, todo caminho atrás havia se transformado em uma única reta, indicando estranhamente uma volta com maior facilidade. No entanto, uma frase retumbava na mente de todos que haviam lido, a frase dizia o seguinte: "Aquele que estiver disposto a sacrificar o que lhe mais é de valor, ouse entrar e serás recompensado."

Naturalmente o medo não viria a perturbar Raegar, grande parte dos caçadores não sentiram medo, afinal era apenas um portal de rank baixo. Todos haviam seguido adiante e aberto a enorme porta. Assim que todos adentrassem, as portas viriam a fechar automaticamente e um breu percorreria todo o local. Sem delongas, luzes provindas de chamas sobre bifurcação, lacunas em espirais disformes sobre as paredes viriam a emergir e iluminar o ambiente. A primeira coisa que viria a chamar a atenção eram as diversas estatuas sobre as laterais paradas, curvadas e expressando algo como reverencia ou adoração. A iluminação continuaria e enfim, viria a demonstrar um trono tão belo e assombroso ao mesmo tempo. Diversas lâminas cobriam ele, unindo e de forma praticamente inexplicável, mas harmônica de certa forma. Sentado ao trono, havia uma estátua maior que todas trajando uma coroa tão maravilhosa que até mesmo as joias mais caras e belas do mundo, se tornariam feias e miseras em comparação. Em uma posição despojada, relaxada e séria, quase parecendo uma entidade sendo louvada pelos súditos, estaria a estatua sobre o trono.

O grupo havia se hipnotizado pela beleza da coroa e trono, exceto Raegar, que sentia seus instintos lhe alfinetar constantemente. Uma frase seria lida logo sobre alguns degraus abaixo do trono, que ficava em uma superfície mais elevada. A frase se iluminava após todo o ambiente ser repleto de luz, mas diferente do clarão natural das chamas, as luzes da frase emitiam um azul intenso e enegrecido. A frase a seguir dizia o seguinte: "Abdique daquilo que lhe é mais valioso e eu lhe recompensarei." A frase era um tanto confusa, mas possuía certo sentido. Alguns do grupo gritavam; amor, outros família, orgulho e assim por diante. Mas quando um dos magos, rank C falou "respeito", na mesma hora os olhos da estátua ascenderam em um vermelho escarlate e todo corpo do caçador começou a petrificar, conforme seguia ele sofria e era torturado até que caia de joelhos, quase protestando, e virava pedra completamente. Ninguém havia entendido o motivo, mas o porquê de existir estatuas começava a ter coerência. A verdade por trás daquela frase, poderia ser compreendido por Raegar, afinal, seu pai sempre lhe dizia ditados e provérbios subliminares.

Sem perceber, após um tempo em silencio tentando compreender o que aquela entidade, frase e local tentavam dizer, Raegar notava que todos a sua volta haviam se tornado pedra. Habituado com abatedouros e pelas mortes causadas e vistas no exército, conseguia manter sua racionalidade. O que era de mais valor para ele, pensará por algum tempo. Dinheiro? Não, jamais houve relevância para ele, apesar de saber que era importante. Fama? Não, isso para alguém de origens humilde como ele era desconhecido. Respeito? Nunca foi de muitas amizades ou se importava com que pensavam dele. Então a resposta era óbvia... família! Sim, a única coisa que ele conseguia deduzir que lhe era de mais valor, era sua família. No entanto, estava fragmentada. Restava apenas sua mãe, que apesar de amar, ele sabia do fundo do seu coração que não era aquilo que lhe mais era de valor. Logo uma epifania surgiria em sua mente e faria ele entender o que realmente era.

Após andar um pouco mais a frente, uma segunda frase percorreu o degrau a baixo da primeira: "Para portar minha coroa e meu poder, deves sacrificar tua alma." Antes de Raegar dizer aquilo que ele mais tinha de valor, essa segunda frase faria ele hesitar por algum tempo. Ele havia raciocinado; se ele deve abdicar o que mais lhe tem valor e que para ser recompensado ele deve sacrificar sua alma, qual proposito de ganhar poder para isso? Afinal, ele não possuía nada de muito valor, apesar desse valor ser algo de cada um. Entretanto, porque ele viria a acreditar em uma frase em um local dentro de uma Dungeon inexplicável. Foi então que ele se deu conta da charada. Sua resposta foi curta e direta: "O que mais tenho de valor é meu passado e recuso a sacrificar meu futuro." Foi então que a estátua de faceta séria e pose despojada, sorriu. E uma nova frase emergiu no terceiro e último degrau: "Indignos são aqueles que não estão dispostos a obter meu poder." As estatuas começaram a se movimentar e a sala toda começou a ruir, pouco a pouco, Raegar começou a ser alvejado por ataques suicidas. Estatua após estatua começaram a se jogar para cima de Raegar que com muita dificuldade, e por muita sorte ou agraciado com seus sentidos e instintos, conseguia evitar de ser morto.

Enquanto Godheim tentava sobreviver, ele havia notado que a coroa havia mudado de cor; o que antes era um dourado cativante e hipnotizador, agora era um azul enegrecido e obscuro. Aquilo quase parecia ser um chamado; pegue-me se for capaz. Foi então que Raegar decidiu correr até aquela entidade, sabendo que seria impossível voltar e impossível sobreviver a tantos ataques em sequência, algo dizia para ele que a mudança daquela coroa e as frases, insinuavam que o poder não era a entidade, mas sim o que ela portava. Ataque em seguida de ataque, ossos fraturados, colisões entre pedras, sangue por todo corpo, faziam Raegar quase perder a consciência e por pouco tombar. Mas a determinação em seguir em frente, seguir os ensinamentos de seu pai, faziam ele permanecer afinco e obstinado. Quando conseguiu pular entre as estatuas, pegando embalo por cima delas e praticamente se jogando para cima do trono, Raegar era atingido por diversos socos, chutes e cabeçadas, tanto que na mesma hora quebravam com impacto virando poeira. Porém, antes que viesse a perceber, estava caído sobre os degraus e, o que lhe pouco restava de visão nítida era possível fintar a última estatua no local com uma face rancorosa e endiabrada.

Raegar estava acabado, tantos hematomas, sangue e ossos quebrados que nem sabia dizer se estava vivo ou alucinando. Mas logo teria a resposta, pois, sobre sua mão torcida havia um brilho obscuro, mas reconfortante e viria da coroa, agarrada em parte de sua lateral. Godheim então olhou a estatua e proferiu com bastante dificuldade e quase engasgando com tanto sangue: "O que vem fácil... vai fácil." Uma breve, baixa e esforçada risada finalizaria o que lhe restava de consciência. Alguém tempo havia se passado e muitos acharia que Raegar estaria morto, mas se não fosse pela sua classe de tank, estariam certos.

~~~~~ Biiipp ~~~~~~
Uma mensagem surgia há sua frente e dizia: "Quest concluída! Poder do mais fraco reside na coroa: o Player. Obtido com sucesso." E então Raegar voltou a desmaiar de novo. Godheim viria a acordar em um hospital e só então perceber que haveria obtido um novo poder, mas diferente de tudo que viu ou ouvirá falar. Após um tempo se recuperando e aprendendo sobre seus poderes, possuía objetivo de voltar a ser caçador.


---------------------------------

Link do roll: https://www.sololevelingrpg.com/t683p30-dados-do-despertar
Link da ficha antiga: https://www.sololevelingrpg.com/t383-masimos-thomas-godheim?highlight=Thomas
Blindão
Blindão
Créditos : 0
G$ 1,000
Localização : Los Angeles, Eua

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO
Rank E


_________________
Ficha ~ Raegar Godheim Va93oAq
~ Aprovado ~
História poggers, gostei.

Link da ficha: https://www.sololevelingrpg.com/t775-raegar-godheim#5814
Sky
Sky
Créditos : 0
G$ 1,000

MENSAGENS

Æther

DINHEIRO
Rank B


_________________
Ficha ~ Raegar Godheim 00ho70d  Ficha ~ Raegar Godheim 1iVyzP5  Ficha ~ Raegar Godheim VCrRNtn


Ficha ~ Raegar Godheim G32siSE

Voltar ao Topo


 
Permissão neste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Layout desenvolvido por Roevs, Remenuf e Mizzu
SOLO LEVELING RPG (2018 - 2020)