Solo Leveling RPG: Os grandes caçadores surgem aqui!
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Solo Leveling RPG: Os grandes caçadores surgem aqui!


Você não está conectado. Conecte-se ou registre-se

Starting the Carrer

3 participantes

Ir para baixo  Mensagem [Página 1 de 1]

1Starting the Carrer Empty Starting the Carrer 15/3/2021, 12:20

Aron Tinuviel

Aron Tinuviel
Narrador






Aventura



Aqui ocorrerá a aventura do Caçador Lucius Sruddel, a qual não possui narrador definido.


2Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 15/3/2021, 21:46

Graeme

Graeme
Rank B
Starting the Carrer


Depois de me mudar e estar prestes a fazer a avaliação para descobrir que tipo de caçador eu seria, me enxergava envolto de tédio e ansiedade até que chegasse a hora de ir, mas bem, estava sendo bem apressado, afinal ainda era a noite do dia anterior. Já havia tomado um banho, escovado os dentes e colocado um calção, quando iria me deitar ainda com a janela do quarto aberta e olhando pro teto começaria a me perder em meus pensamentos, como de costume quando estava solitário. "É, já faz tempo desde a primeira vez que consegui não só enxergar essas criaturas, mas sim sentir alguma energia vindo delas... elas são de verdade? Isso seria um sinal?!" -me perguntaria confuso observando alguns pequenos demônios que enxergava se movendo pelo ar, sempre me impressionando com quantos deles haviam, mas naquela noite, um deles me chamava a atenção, uma espécie de criatura gargolítica, com escamas negras, cabelos brancos da cor de lírios e com uma aparência de grandes habilidades de luta. "Primeira vez que paro pra reparar de verdade nessa aí... ela parece estar me encarando, além de estar mostrando uma energia um pouco maior... sei lá, talvez eu esteja só viajando, como sempre." -balançaria a cabeça como se quisesse voltar ao mundo real e então me levantando da cama, andaria até a janela, onde observaria o céu por alguns segundos e então a fecharia, quando voltaria para onde estava deitado e me jogaria de qualquer jeito ansioso pela próxima manhã.

Assim que acordasse, abriria os olhos lentamente e então me sentaria na beirada da cama, quando me espreguiçaria balançando a cabeça pros lados e então respiraria profundamente, quando me levantaria e iria até a janela para abri-la, novamente observando o céu tentando identificar qual seria o clima no momento. Logo após observar um pouco, me dirigiria até o banheiro ao lado e passaria uma água no rosto, assim como jogaria um pouco na boca pra bochechar e então cuspir, quando levantaria meu rosto lentamente e me vendo no espelho daria um pequeno sorriso. "Hoje algumas coisas vão mudar Lucius, tá preparado?" -pensaria animado enquanto me dirigiria até a cozinha para comer um pão que estivesse por ali e tomar um gole de suco da geladeira. Quando terminasse meu apressado café da manhã, voltaria ao quarto, onde pegaria uma camisa de manga cumprida, uma calça e um sapato, todos pretos como de costume, além de meu brinco, piercings e uns anéis que estavam numa pequena cômoda ao lado da cama e às pressas me vestiria, voltaria ao banheiro olhando no espelho e daria uma mexida básica no cabelo, quando escovaria os dentes e finalmente me veria pronto para sair de "casa".

Sairia então do apartamento e trancaria a porta com a única chave que tinha, quando me direcionaria até a escada e começaria a descê-la, tentaria não ir tão rápido com medo de suar muito, segurando assim a ansiedade que sentia. "Não posso chegar lá cheirando mal, certo?! Calma Lucius..." -ficaria repetindo o pensamento até que terminasse os degraus e chegasse no primeiro andar, quando cumprimentaria a secretária do prédio com um simples levantar de mão e sairia pela porta, respirando fundo e continuando. "Certo, pelo que eu li, a sede da Associação de Detroit ficar por esse lado." -seguiria então caminhando. "Desde que a prefeitura declarou falência essa cidade tá muito estranha, não sei o que meus pais viram aqui... vai ver é porque na época o nome do local ainda era grande... Pensando pelo lado bom, provavelmente não serei vítima da violência daqui se realmente for um caçador forte... mas não sei se vou querer ficar por aqui." -concluiria enquanto olhava para as construções nas ruas que passava e então voltaria no pensamento. "Falando em ser um caçador forte, será que vou conseguir? Bem que eu queria, mas blé, aposto que vou ser no máximo um Rank D... sei lá, só posso fazer a esperar para descobrir." -me manteria em confusões que criava pensando comigo mesmo enquanto seguia até a sede da Associação.

Olá estranho...




Objetivos:
- Ir até a Associação para fazer o exame de avaliação.
- Fazer um Dungeon bem fraca só pra pegar o jeito.
- Juntar uma graninha.


Off:
Se achar que o template tá ocupando muito espaço por ser magrinho, me fala que eu paro de usar.
De resto, olá, espero que possamos ambos nos divertir nesta aventura e que ela nos renda muitas coisas boas!

3Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 17/3/2021, 18:32

Van

Van
Narrador
NARRAÇÃO

A antes grande Detroit City, hoje um local abandonado e entregue, era o lar do nosso protagonista Lucius Struddel. Embora possua um nome badass, do tipo vilão da Disney, ele era apenas um jovem fã de My Chemical Romance, pensou qualquer um com mais de 25 anos ao ver sua aparência. Ele também parecia ser fã de Imagine Dragons ou ao menos tinha talento para isso já que Imaginava Monstros.

O futuro caçador ainda não havia prestado o exame e após um momento contemplando os frutos de sua imaginação esquizofrênica, o sadboy2020 higienizou-se e partiu para a Associação observando os prédios que também poderiam ser ilusões criadas por sua própria mente, algo bastante comum em esquizofrênicos.

Devido ao estado depreciado da cidade, o endereço da Associação era algo de conhecimento comum e portanto o rapaz conseguiu chegar sem dificuldades. Ao chegar, pôde ver uma pequena fila onde outros compartilhavam do mesmo objetivo: fazer o teste. Na fila dois rapazes e uma menina chamavam a atenção. Eles pareciam ter as classes já definidas ou ao menos imaginavam o que seriam e pareciam bastante confiantes.

Starting the Carrer Images?q=tbn:ANd9GcTAtObsphjY8Ev2sk53bf8m319NFSSAP38eTg&usqp=CAU

- Mal posso esperar… Será que eu terei um bom rank?

Eles trocavam sonhos e pareciam bastante animados. Eles olharam para Lucius e deram sorrisos simpáticos, deixando abertura para caso ele quisesse interagir. Por fim, para ser aceitos precisariam passar pelo processo burocrático preenchendo documentos e depois fazer uma entrevista. Após, passaria pela bateria de exames onde teria o seu rank mostrado para todo o mundo.
Considerações:
Desculpa a demora, tava lendo a ficha para entender o personagem.

Deixei espaço para vc interagir como quiser.

Você pode narrar todo o exame e processo como preferir - visto que isso é algo opcional já que vc pode começar já no rank e associado.

Dúvidas, chame no discord Van#8880

4Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 18/3/2021, 02:19

Graeme

Graeme
Rank B
Starting the Carrer


Assim que chegasse no local objetivo, olharia pra fila e daria um suspiro pensativo. "Esqueci que teria que enfrentar fila, droga, pensei que por sorte fosse sortudo a ponto de ser o único a vir aqui com esse objetivo hoje..." -concluiria levando a mão ao rosto me mostrando decepcionado. Logo que caminhasse até a última posição já tendo me conformado com o fato de ter que esperar, conseguia perceber um grupo de três  pessoas, os quais já me aparentavam saber a própria classe devido aos equipamentos que usavam. "Se eu já fiquei ansioso pelo exame, esses talvez nem tenham dormido..." -concluiria escutando a questão que um deles levantava e observando seus comentários e a animação demonstrada. Antes que pudesse desviar minha atenção, era surpreendido pelo olhar dos três, que inesperadamente se direcionavam a mim, além dos sorrisos agradáveis que ofereciam em seus rostos. " Pessoas gentis assim de graça? Não costumo ver muito isso, principalmente se relacionando a um cara de aparência diferente como eu..." -começaria a viajar, mas rapidamente voltaria a focar no momento dando uma leve balançada na cabeça;

-O-oi?! Uh-hum, perdão, não sou tão acostumado com recepções agradáveis assim... -diria enquanto mostrava um sorriso sem graça. -Parece que vocês já têm uma noção de que tipo de caçador serão, né?! Ou só decidiram comprar esses equipamentos no chute? -indagaria ainda tentando me encaixar no  diálogo. -Eu meio que não tenho a mínima ideia disso ainda, tô realmente meio perdido... aliás, prazer, meu nome é Lucius. -continuaria o papo, mas agora no final da fala, esticaria o braço e me mostraria suscetível a apertar a mão de todos e caso respondessem, me sentiria mais a vontade, porém diferenciaria a ação dos dois rapazes para a garota, a qual além de apertar a mão, faria uma rápida análise visível de baixo à cima e em seguida daria um sorriso olhando em seus olhos. "Vai com calma aí, não vai tentar seduzir todas só porque é bom nisso, ok?!" -pensaria rapidamente e em seguida voltaria a me focar na conversa. -E-eh, já tão com planos pro que fazer depois que terminarem o exame? -indagaria curioso.

Após o planejado, não teria mais nada de tão importante para falar, então deixaria que levassem a conversa à diante e tentaria me enturmar entrando no papo enquanto a fila seguia, sempre dando algumas olhadas disfarçadas para a garota. Agora já entrando no prédio associação após um bom tempo esperando, no qual felizmente teria ficado entretido pela conversa, me aproximaria de um balcão onde encontrava três secretários, sendo que dois já estavam ocupados, me direcionaria até a terceira, que juntando alguns formulários e batendo-os na mesa, parecia ter acabado de dispensar outro caçador, quando me aproximava e conseguia enxergá-la melhor, uma mulher de cabelos curtos um pouco acima do ombro com uma coloração loura, além de grandes olhos castanhos e uma pequena pinta abaixo do direito. Ela usava um óculos, camisa social branca que descia até o início de uma saia preta e sapatos pretos, um look padrão de escritório. Bem que tentava, mas não conseguia enxergar suas curvas dali, parecia ter uns 25 anos, mas em um piscar de olhos tinha minha observação interrompida por um "Uh-hum" da moça, que abaixando um pouco o óculos com a mão esquerda, me olhava de uma forma impaciente. -Quem é você e o que procura aqui? -perguntava e assim que ouvisse minha resposta continuaria. -Certo, poderia assinar este formulário? -indagaria já arrastando umas folhas juntas à uma caneta preta.

-Eu sou Lucius e creio que seja um caçador, vim fazer o exame pra... -parava ao ser interrompido pela secretária. -Credo, nem vai me falar seu nome? -comentaria e então ficaria focado em preencher todos os dados certos enquanto a mulher ficava em silêncio e apenas conseguia ouvi-la batendo o sapato no chão. Quando terminava, dava uma última checada e assim que concluísse, bateria as folhas juntas já lhe entregando em ordem tentando poupar um pouco de trabalho. A atendente então as recolhia, grampeava a maioria, separava uma e após fazer algumas pequenas anotações, se levantava um pouco da cadeira mostrando um pouco mais de seu corpo, quando tentaria evitar, mas sem êxito, acabaria dando uma olhada pro mesmo, quando já um pouco corado, voltaria meu olhar pra cima e conseguiria perceber que ela apontava para uma porta, da qual acabava de sair um rapaz com uma expressão de frustração e falaria. -Essa folha separada vai com você até lá, o resto fica aqui, boa sorte. -diria de forma "robótica" e concluiria. -Aliás, meu nome é Michelle, porém te garanto que essa resposta não mudará nada em seu exame, é desnecessária. -a mulher voltaria a se sentar com o mesmo rosto sério, mas aquilo me faria dar um pequeno sorriso enquanto me dirigiria até a sala indicada.

Quando batia na porta e era convidado a entrar, conseguiria enxergar um homem alto  e mais velho, de terno, sapatos e cabelo pretos, além de um óculos escuro que usava mesmo sem tanto contato com os raios solares. -Pois bem garoto estranho, me entregue essa folha e se posicione na frente daquilo que parece ser uma bola de cristal. -diria de forma ainda mais seca que a secretária. -Certo, certo... -comentaria lendo dados da folha e então focando seu olhar em mim, diria. -É o seguinte, você vai levar as suas duas mãos até esse objeto, vai concentrar sua mente e se é que você sente algo aí dentro, deixa fluir, vamos fazer isso rápido. -concluiria enquanto parava no lado oposto ao meu esperando resultados. Assim que colocava minhas mãos ali, percebia uma certa reação, quando fecharia meus olhos para focar melhor e assim que os abria, enxergava o homem terminando algumas anotações e começando a me encarar falaria. -Você é um Rank B garoto, pode ficar feliz, se você tiver disposição pra trabalhar, não vai te faltar grana... deu aqui que você tem bastante afinidade com mana, conforme o resultado indica, tu é um mago, vou te ensinar a usar o seu "ganha pão" e depois pode ir. -terminaria enquanto me ensinava a usar o aplicativo da associação, se calando em seguida e puxando uma gaveta na qual colocava a folha.

-Wow, rank B??? Achei que me sairia muito pior... obrigado senhor, mas só me tira uma dúvida, é normal eu ser mago mesmo? Porque nunca pensei em ficar soltando magias de ataque e tal... -perguntaria curioso, quando prontamente era respondido. -Esses moleques de hoje em dia... primeiro que não é baseado no que tu pensa, acaba sendo sorte. Segundo que você nunca ouviu falar de invocação também ô esquisitão? -finalizaria o diálogo, quando eu acabaria percebendo o porquê de sentir energia nas criaturas que imaginava e agora já mais entendido, sairia dali, voltando ao salão principal, quando esperaria que a atendente olhasse e acenaria com um pequeno sorriso no rosto.

Agora já tendo meu resultado, procuraria algum lugar pra me sentar, onde ficaria mexendo no aplicativo enquanto esperava que as três pessoas que havia conhecido antes aparecessem. "Espero que eles cheguem com alguma boa ideia do que fazer, a única coisa que se passa na minha cabeça agora é ficar um pouco feliz e voltar pra cara e sei lá, ver TV." -pensaria um pouco entediado.

Olá estranho...





Objetivos:
- Ir até a Associação para fazer o exame de avaliação.


Off:
Sem problemas, entendo que custe um bom tempo pro narrador conseguir realmente entender o personagem ao qual irá narrar.
Só não entendi o comentário de gostar de My Chemical Romance... só porque meu personagem veste tudo preto, usa anéis, brincos e piercings, tem um cabelo emo e gosta de coisas obscuras? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Espero não ter ultrapassado os limites pro "livre arbítrio" do exame, qualquer coisa, só dar um toque.

5Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 19/3/2021, 10:29

Van

Van
Narrador
NARRAÇÃO

O processo burocrático foi executado sem grandes problemas. Não demorou até nosso herói terminar e ficar disponível para missões e incursoes futuras se desejasse. O rank B era uma posição de destaque e bastante valiosa. Se quisesse, poderia se aposentar com poucas missões devido o valor que receberia por sua contribuição. A opção de Mago gerou algum desconforto inicialmente, mas logo esclareceram a situação de maneira aceitável para o também Invocador.

Agora ele estava no salão esperando pelo trio e não tardou para eles aparecerem. O semblante em suas faces não era dos melhores. Certamente não tinham boas notícias.

_ Oi… Não tivemos sorte… todos caímos rank-E.

A tristeza era notável, contudo não havia motivos para frustração, afinal era o mais comum. Poucos tinham despertar de alto nível.  Era a realidade do mundo, privilégio para poucos e nulidade para muitos. Ele poderia interagir com o povo, porém, seria como falar com ele mesmo algum tempo atrás: depressivo e desanimado.

Spoiler:
Fique a vontade para criar os diálogos dos npcs, inclusive suas respostas e ações futuras.

Só lembrando, aventura livre é feita para aprofundamento do personagem. Se quiser uma narração mais complexa, avise.  

6Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 20/3/2021, 03:03

Graeme

Graeme
Rank B
Starting the Carrer

Finalmente vendo os três aparecendo por ali, abriria um pequeno sorriso, mas acabava sendo notável uma certa falta de animação em seus rostos. Não demorou para que chegassem e falassem o motivo, algo que me deixava sem reação, na minha cabeça era impossível encontrar algum sentido, eu que apenas deixava meus instintos me levarem, me descobri um rank B, já eles que estavam tão animados, se descobriram pertencer ao E. "Agora faz sentido aquilo que o cara de terno falou, acaba sendo sorte..." -pensaria confuso. "Que mundo injusto, não?!" -concluiria em uma indignação interior. Logo voltaria a observá-los e com medo de fazerem se sentir mal, acabaria mentindo. -O meu não saiu ainda... acho que tão me preparando pra ser um ruim também, devo ser no máximo um D... -concluiria com um olhar preocupado. -Quer saber? Não vou nem esperar isso, tô indo pra casa!" -diria me levantando e dando uma ajeitada em minha roupa. -Foi um prazer conhecê-los, espero que nos encontremos por aí... não se preocupem com o rank, a maioria das pessoas caem em ranks baixos... acho que tem algo por trás disso. -finalizaria dando um ar de teoria, quando iria virar de costas pros três e acenaria em um movimento simples com a mão direita.

Nenhum deles parecia ter entendido o que aconteceu, nem mesmo havia perguntado seus nomes e saía sem pensar duas vezes, talvez tivesse ficado realmente incomodado com minha sorte e percebia dessa forma que eu não era lá qualquer coisinha. Quando saía do local, conseguiria observar algumas poucas pessoas se aproximando e fazendo algumas perguntas, todas falavam de Guild's, seu privilégios e etc, mas no momento, nada me interessava. Passaria calado por eles, me mostrando bem pensativo e torcendo para que pegasse distância daquele lugar o mais rápido possível. "Se essa galerinha aqui já sabe, não vai demorar muito pros três descobrirem... não quero fazê-los sentir mal por ter tido essa sorte inesperada..." -concluiria mentalmente enquanto seguia para casa.

Após uma longa caminhada, percebendo o clima melancólico da cidade falida e ainda me perguntando como aquilo havia acontecido com Detroit, esquecia um pouco dos pensamentos sobre as classificações de caçador, quando observaria os prédios e estabelecimentos abandonados, marcas de violência em diversos lugares e um clima realmente vazio. "Ó grande Detroit, como se transformastes nisso?"

Sem muita demora, basicamente o mesmo caminho de ida, conseguia chegar em meu prédio, no qual entrava carregando uma expressão triste, provavelmente o contrário do esperado pra qualquer pessoa que fosse avaliada como Rank B. "Sei lá, olhando pelo lado daqueles três, isso deve ser igual qualquer outro trabalho... esteja em um cargo bom, ou em um cargo ruim, vai acabar se decepcionado alguma hora, seja pelos outros, ou por você mesmo." -pensaria chateado enquanto começaria a subir as escadas e dirigindo-me para meu apartamento. Chegando na porta, a destrancaria e após um longo suspiro, caminharia até meu quarto, onde me deitaria e pegando um controle em cima da cômoda ao lado, ligaria a televisão, mudaria os canais até que chegasse em algum de notícias e então pegaria meu celular, abrindo novamente o aplicativo. "Então meio que tenho que esperar algum portal aparecer por perto, ser chamado e em seguida ir até lá?! Droga... que falta de opções." -pensaria enquanto revirava o app procurando entendê-lo melhor. "Certo, acho que não tem nada pra fazer agora a não ser me informar com essas notícias e viajar em minha imaginação... que inclusive pode agora ser até mesmo real..." -concluiria pensando no quão estranho isso me aparentava ser, quando bloquearia o smartphone e o colocaria no local em que estava o controle anteriormente, me focando na televisão e levando minhas mãos atrás da cabeça tentando ficar confortável.

Olá estranho...




Objetivos:
- Ir até a Associação para fazer o exame de avaliação.

7Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 24/3/2021, 16:15

Van

Van
Narrador
NARRAÇÃO

Após voltar para casa, Lucius tinha todo um futuro pela sua frente e tantas opções causavam um estresse mental tão grande que simplesmente escolheu procrastinar pela ausência momentânea de respostas. Era como estar em um parque de diversões e escolher sentar num banco e tomar um sorvete devido ao peso da indecisão.

Os programas na tv eram entediantes e algumas poucas reportagens falavam sobre dungeons ao redor do mundo, entrevistas com rankers famosos e teorias sobre o surgimento desses portais.

No lado de fora, podia ouvir um certo tumulto começar. Um grupo de rapazes cercava um outro indefeso. Era possível ouvir risadas e barulhos de pancadas. Era possível também ouvir num apartamento próximo uma mulher chorando enquanto um homem quebrava coisas e gritava ofensas. No topo do prédio, uma jovem falava sozinha lendo uma carta, na qual destacava os motivos de não desejar ficar mais neste mundo.

Durante muito tempo, Struddel vivia uma vida reclusa, mas o seu despertar proporcionou Sentidos extremamente apurados, os quais eram capazes de ouvir praticamente tudo ao seu redor e o motivo de não ter percebido até então foi o convívio com suas próprias visões fantasiosas, as quais tiravam sua atenção dos arredores. O mundo era um lugar completamente novo para o rapaz. O que ele fará agora?

Spoiler:
Desculpa a demora.

8Starting the Carrer Empty Re: Starting the Carrer 1/4/2021, 21:27

Graeme

Graeme
Rank B
Starting the Carrer


Em meio ao tédio momentâneo, ficaria surpreso, afinal agora esperava que minha vida não fosse parar, principalmente por ter saído com um rank razoável, mas agora tendo percebido o quão diferente eu era de "uma pessoa normal", ficava fácil ouvir sons das redondezas, algo que até mesmo me incomodava um pouco. "Pode até dar vontade de ajudar, a gente nunca sabe até onde esses problemas vão, certo?! Mas infelizmente não posso ficar dando uma de herói, apenas preciso arrumar uns trampos, preciso crescer e não ficar salvando os outros..." -pensaria um pouco hesitante, indo contra o emocional e a vontade de ajudar, tentando utilizar apenas o racional.

Conforme as notícias passavam na televisão, as quais escutava tentando disfarçar as outras coisas que meus sentidos agora permitiam, daria um suspiro decepcionado. "Nada por aqui pra mim? Droga... não acho que seja hora de eu sair daqui pra outro país ainda, vou esperar algo abrir na nossa tão querida América. Só me basta aguardar!" -concluiria olhando pro teto decepcionado.

Olá estranho...




Objetivos:
- Ir até a Associação para fazer o exame de avaliação.
- Finalizar a aventura por motivos de "estar atoa".

Conteúdo patrocinado


Ir para o topo  Mensagem [Página 1 de 1]

Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos